Puxada da Rede do Xaréu

(Maria Rosita Salgado Goes)

Pescador dá presentes pra ela

Iemanjá dele enamorou

A jangada volta sem ele

E os olhos da morena marejou

Eu bem disse ao meu bem

Serena

Que não fosse ao mar

Serena

Ele foi e não voltou

Serena

Foi as ondas do mar que levou

Serená